A celebridade Rubens Barrichello

Rubens Barrichello na Fórmula 1: o choro é recíproco.

Rubens Barrichello na Fórmula 1: o choro é recíproco.

Atribuir a Sebastian Vettel a queda de audiência da Fórmula 1 nos últimos anos é apelar para a desinformação.

Com média parcial de quase 9% em 2013, a categoria teve, anos atrás, temporadas ainda menos equilibradas.

Em 2004, Schumacher venceu 13 das 18 provas disputadas. Somou 148 pontos dos 180 possíveis. O vice-campeão terminou a contagem 34 pontos atrás do então companheiro de equipe e 29 à frente do terceiro colocado. Mesmo assim, as corridas atingiram 19% de média. Por que o monopólio ferrarista era aprovado? Qual a heteronormatividade praticada pela Red Bull?

O problema do brasileiro não é a ausência de ídolos vitoriosos. Ou de campeonatos disputados ponto a ponto. É a falta de personagens pitorescos. Se Massa, o atual host tupiniquim, é, sob o aspecto técnico, igual a Barrichello,  há uma brutal diferença sob o aspecto esportivo.

Rubinho jamais encararia, por exemplo, a derrota sofrida por Felipe em 2008 com a mesma postura.

Muito provavelmente roubaria o microfone de alguém durante o pódio para falar umas verdades, sambar duas vezes, reclamar publicamente das forças invisíveis e cobrar as autoridades pela falta de segurança no entorno de Interlagos. Ou seja, garantiria o interesse do público que dava risada com o Galeão Cumbica.

A Globo notou rapidamente isso. Tanto que fez o possível e o impossível para encaixar a maior piada da Fórmula 1 em suas transmissões.

A primeira tentativa aconteceu, por um desses acasos, durante o GP do Brasil de 2012.

Convidado para fazer cosplay de Repórter Vesgo, Rubens correu pelo grid de largada com um microfone na mão e nenhuma pauta na cabeça. Alguns pilotos deram bola. Outros fecharam a porta. Quando conseguia arrancar alguma declaração, não traduzia.

O desempenho encantou a direção da emissora.

Efetivado para o cargo, não levou muito tempo para ser promovido à comentarista oficial de algumas jornadas, quando encanta o país com sua invejável capacidade de falar bobagens antes e depois da largada.

Quem tem Reginaldo Leme, o primeiro jornalista a notar a importância da Fórmula 1, não deveria desperdiçar tempo com amadores.

Ninguém reclamaria se a troca na cabine de transmissão envolvesse Lito Cavalcanti, por exemplo. Lito é excelente comentarista. Seus trabalhos no Sportv nunca estão abaixo do esperado. Ou Fábio Seixas, que ainda não está completamente familiarizado com as câmeras, mas é craque quando o assunto é automobilismo.

Na tentativa de ganhar pontinhos com o público flutuante, a Globo coloca em risco o apoio de quem realmente acompanha a Fórmula 1, independente do hino executado na hora do pódio ou da piada contada na entrevista coletiva.

Primeira vitória de Barrichello na Fórmula 1 garantiu picos de 34 pontos

Rubinho: vitória na Alemanha foi a primeira conquistada na categoria.

Rubinho: vitória na Alemanha foi a primeira conquistada na categoria.

Foi em 30 de julho de 2000,  no velho traçado do circuito de Hockhenheim, que Rubens Barrichello conquistou sua primeira vitória na Fórmula 1.

A corrida foi a terceira maior audiência da Globo naquele domingo. Com picos de 34 pontos, alcançados às 10h30 (hoje as provas marcam entre 10 e 12 quando estão nas últimas voltas), perdeu apenas para os programas “Fantástico” e “No Limite”.

Abaixo, você confere as maiores audiências das seis principais emissoras de São Paulo entre 24 e 30 de julho de 2000

GLOBO
No Limite  45
Laços de Família  44
Jornal Nacional  41
Uga Uga  40
Fantástico  37

Curiosidade: Danielle Winits era o principal chamariz de ‘Uga Uga’.

SBT
SBT Repórter  23
Topa Tudo Por Dinheiro  22
Domingo Legal  22
Cine Espetacular  21
Tela de Sucessos  19

Curiosidade:  O “Domingo Legal” venceu o “Domingão do Faustão” em várias semanas de 2000, mas a maior diferença entre os dominicais aconteceu em 2001.

RECORD
Cidade Alerta  14
Raul Gil  9
Jornal da Record  8
Pokémon  8
Cine Maior  8

Curiosidade: Datena apresentava o “Cidade Alerta” em 2000.

BAND
Sábado em Hollywood  7
Futebol  7
Futebol  6
Cine Privê  4
Cine Premium  4

Curiosidade: O Cine Privé era exibido diariamente pela Band.

GAZETA
Allegria Geral  5
Mulheres – Parte I  4
Festa do Mallandro  4
Mulheres – Parte II  4
Ligação  4

Curiosidade: O “Mulheres” dava picos de 12 pontos quando Leão Lobo contava fofocas.

REDETV!
A Feiticeira  4
Jornal da TV  3
Eu Vi Na TV  3
Friends  3
Perfil 2000  2

Curiosidade: “A Feiticeira” e “Jeannie É Um Gênio” ficaram por anos entre as atrações mais vistas da RedeTV!